Sexta-feira, 23 de Maio de 2008

Forte de Leça da Palmeira - Matosinhos

 


Este forte de tipo abaluartado com planta em estrela de quatro pontas, protegidas por cortinas inclinadas e guaritas salientes, começou a ser construído em 1638. Considerando a sua grande importância estratégica para a defesa da barra, os oficiais da Câmara do Porto, em 1642, pediram ao Rei que se terminassem as obras com a maior brevidade. Segundo um documento lavrado por um tabelião do Porto, em 1655 ainda as obras não tinham concluído. O motivo principal para a exigência da edificação, posterior à Restauração, foi o receio não só do ataque dos castelhanos mas também das fragatas dos turcos.

Durante a Guerra Civil, em 1832, o forte foi objecto de algumas benfeitorias, nomeadamente nos armazéns, ponte levadiça, escada do fosso e parapeitos, mantendo, ainda, algumas canhoneiras ao nível da magistral. Já no século XX, o edifício foi entregue à Capitania do Porto de Leixões que ali instalou os seus serviços, albergando no seu interior algumas construções incaracterísticas que servem de alojamento ao pessoal.

 


LINKS:

  • Inventário do Património Arquitectónico (DGEMN)
  • Instituto Português de Arqueologia
  • Forte de Leça da Palmeira (Pesquisa de Património / IPPAR)
  • Forte de Leça da Palmeira (pt.wikipedia)

  • publicado por MJFSANTOS às 06:25
    link do post | comentar | favorito
    Quinta-feira, 1 de Maio de 2008

    Casa de Chá da Boa Nova - Leça da Palmeira - Matosinhos

     


    «Esta obra constitui um dado qualitativamente novo, quer na obra de Álvaro Siza quer na arquitectura portuguesa, em boa parte pela forma como ela correspondeu às expectativas de uma geração de arquitectos e de críticos. O projecto iniciou-se em 1956, ao vencer um concurso, a que concorreu uam equipa de colaboradores do gabinete de Fernando Távora e Francisco Figueiredo. Foi desenvolvido inicialmente por uma equipa de cinco pessoas sob a supervisão de Fernando Távora. Álvaro Siza no início de 1958, desenvolve a versão final do projecto, passando a ser responsável pelo mesmo (...) A presença maciça e pesada da paisagem, de elementos naturais e de uma capela, traduz-se em dois aspectos da obra. O percurso de acesso é disciplinado por muros e degraus, onde é retirada ao visitante a percepção plena da paisagem. A construção é vista a partir de um nível mais baixo com os telhados a dissolverem-se com o terreno, com as paredes brancas opacas. Depois do acesso, feito sob um alpendre baixo acentuando o acto de entrada num mundo interior quase sagrado, só então se revela a presença magnífica da paisagem. (...) Do ponto de vista compositivo, a relação com a paisagem e a topografia é obsessiva, numa minúcia que tenta deixar imaculadas as rochas, com a construção a contorcer-se, distender-se no sítio.»


    Foto: José Eduardo Gama (2006)-IPPAR

    (Rogério Vieira de Almeida, "Casa de Chá da Boa Nova", in Arquitectura Portuguesa do século XX, Lisboa, CCB, 1997, p.238).


    publicado por MJFSANTOS às 09:24
    link do post | comentar | favorito
    Quarta-feira, 30 de Abril de 2008

    Piscinas de Marés de Leça da Palmeira - Matosinhos

     


     A construção desenvolve-se de forma linear, paralela à avenida e ao mar, mas a sua implantação recolhe-se de forma a não obstruir a visão, quer terrestre, quer marítima, situando-se, assim, o nível da cobertura ao nível da avenida. Com uma estruturação que se insere na sequência contínua do muro da praia, o sistela de acessos é um percurso disciplinado pela presençã dos muros de "betão bruto", ao longo do qual algumas transgressões da ortogonalidade e linearidade dominantes induzem o olhar para pontos focais da paisagem, ao mesmo tempo que uma série de paredes se dobram e curvam de forma abrupta, preparando o utente para a experiência do espectáculo da paisagem e para a utência do espaço das piscinas."


    (Texto de Ana Tostões/IPPAR)

    Foto: Telmo Cunha


    publicado por MJFSANTOS às 10:14
    link do post | comentar | favorito

    .mais sobre mim


    . ver perfil

    . seguir perfil

    . 12 seguidores

    .pesquisar

     

    .Abril 2009

    Dom
    Seg
    Ter
    Qua
    Qui
    Sex
    Sab

    1
    2
    3
    4

    5
    6
    7
    8
    9
    10
    11

    12
    13
    14
    15
    16
    17
    18

    19
    20
    21
    22
    23
    24
    25

    26
    28
    29
    30


    .posts recentes

    . Forte de Leça da Palmeira...

    . Casa de Chá da Boa Nova -...

    . Piscinas de Marés de Leça...

    .posts recentes

    . Forte de Leça da Palmeira...

    . Casa de Chá da Boa Nova -...

    . Piscinas de Marés de Leça...

    .tags

    . arquitectura

    . biografia

    . capela

    . casa

    . cultura

    . desporto

    . dias comemorativos

    . edificios

    . estatuas

    . fc porto

    . fotos

    . freguesias

    . futebol

    . história

    . historia

    . humor

    . igreja

    . igrejas

    . imagens

    . matosinhos

    . matriz

    . monumentos

    . mpp

    . musica

    . noticias

    . noticias e opiniões

    . património

    . penafiel

    . poemas

    . porto

    . portugal

    . póvoa do varzim

    . quinta

    . românica

    . ruas

    . slides

    . video

    . videos

    . vila do conde

    . vilanovadegaia

    . todas as tags

    .tags

    . arquitectura

    . biografia

    . capela

    . casa

    . cultura

    . desporto

    . dias comemorativos

    . edificios

    . estatuas

    . fc porto

    . fotos

    . freguesias

    . futebol

    . história

    . historia

    . humor

    . igreja

    . igrejas

    . imagens

    . matosinhos

    . matriz

    . monumentos

    . mpp

    . musica

    . noticias

    . noticias e opiniões

    . património

    . penafiel

    . poemas

    . porto

    . portugal

    . póvoa do varzim

    . quinta

    . românica

    . ruas

    . slides

    . video

    . videos

    . vila do conde

    . vilanovadegaia

    . todas as tags

    .links

    .subscrever feeds

    SAPO Blogs